As luxuosas velas da Diptyque - MI SCHAEFER

As luxuosas velas da Diptyque

Publicado em quarta-feira, 10 de outubro de 2018


Reza a lenda que a paixão pelas velas da Diptyque começou como um segredo entre os editores de revistas de moda e beleza. Toda vez que uma garota nova aparecia no escritório, diziam para ela que uma das primeiras coisas que ela precisava fazer para ser uma mulher elegante era ter duas velas Diptyque em casa. A lenda foi passada das glamourosas redações de Paris para as de Nova York. Dizem que um dos jornalistas, seguindo o conselho de seus colegas, comprou a vela Baies e a colocou na prateleira de seu pequeno apartamento. Para sua surpresa, depois de alguns dias, ele percebeu que o aroma da vela mascarava o cheiro de comida e cerveja que vinha dos restaurantes e bares da rua.

Então, as velas da marca começaram a ser ainda mais valorizadas quando se descobriu que não havia química ou ingredientes sintéticos em sua composição. O sistema de elaboração, feito à mão, consistia em vinte passos, nem mais, nem menos. E o design, embora muito elegante e minimalista, tinha rótulos ovais inspirados em um medalhão do século 18, (quase) impossível de imitar. Ou seja, não eram velas descartáveis, mas jóias de vidro que poderiam ser guardadas. Na verdade, é o que todo mundo faz.

Muitos reutilizam suas embalagens de vido como adorno ou porta objetos. As velas maiores podem inclusive virar vasos de flores lindíssimos.


Para escolher a vela Diptyque certa, você só precisa experimentar. Porém, às vezes não se tem uma ideia da escolha, a não ser escolher cegamente, por isso ler opiniões de quem consome a marca é útil. 
Fragrâncias com flores é difícil de se acreditar, porque todo mundo diz a mesma coisa, como "me lembra de um jantar no jardim nas noites de verão". 

Veja as descrições que vão além do óbvio, como por exemplo,  dizem que a vela Tubereuse  é um perfume poderoso e sexy, ou seja, sai do óbvio descritivo. As opiniões negativas também ajudam a descartar velas que aparentemente têm as notas de que gostamos, mas e se a mistura evocar algo desagradável? 

O aroma das velas exala tanto se elas estão acessas ou não, então não é necessário acendê-las por horas para que o ambiente fique impregnado com seu perfume.  A marca tem mais de cinquenta essências diferentes no mercado, mas os mais vendidos são:

  • Figuier:  cheiro de figo 
  • Baies:  rosas e folhas de groselha preta. É o mais famoso de todos. Certamente você já viu essa em muitas fotos.
  • Feu de Bois:  mistura de madeiras, lembrando algo como lareira em chamas.
  • Vanille:  essência de baunilha bourbon misturada com sândalo e óleo de elemi.
  • Ambre:  com vetiver, pachouli, anis, incenso e especiarias desconhecidas.
  • Opopanax: de mirra doce. Tornou-se popular porque era a resina que Alexandre, o Grande, usava para perfumar suas roupas.
  • Muguet: feito com lírios recém-cortados. Dizem que traz boa sorte, então é uma das mais vendidas para o Ano Novo.



Os preços variam conforme tamanho (a marca oferece velas em 3 tamanhos: 300g, 190g e 70g) e às vezes tem kits especiais com velas de 35g. Pode encontrar velas a partir de 28€ ou US$35.

As velas Diptyque são vendidas em lojas de perfumes de luxo na Europa ou Estados Unidos e podem ser adquiridas também através dos sites:



Nenhum comentário:

Postar um comentário