VIAJAR POR CONTA PRÓPRIA OU ATRAVÉS DE AGÊNCIA DE VIAGENS? MINHA EXPERIÊNCIA COM AMBOS - MI SCHAEFER

VIAJAR POR CONTA PRÓPRIA OU ATRAVÉS DE AGÊNCIA DE VIAGENS? MINHA EXPERIÊNCIA COM AMBOS

Publicado em quinta-feira, 18 de junho de 2020

Resolvi fazer postagens sobre viagens também aqui para o blog. Sou Bacharel em Turismo com Ênfase em Hotelaria e acredito que eu possa dar algumas dicas simples para pessoas que, assim como eu já fui, necessitam de um "norte" na hora de viajar. Vou contar experiências que eu vivi, situações às vezes embaraçosas, que deram trabalho, mas que por fim deram certo.

Não viajei para trocentos Países como a maioria que resolve escrever sobre viagens já fez, mas acredito que eu possa ensinar algo com a pequena bagagem que formei nos últimos anos. 


Vou começar falando sobre viajar por conta própria ou por agência de viagens: o que é melhor? Normalmente e mais facilmente, se escolhe viajar para o Exterior através de agência de viagens. Já tentei explicar para conhecidos que é melhor viajar por conta própria, que acaba se conseguindo fazer um roteiro melhor (além de ser uma parte muito legal a de pesquisar e conhecer cada lugar que se deseja visitar), porém muitos não acreditam nisso. Ficam com medo de algo acontecer.

A primeira viagem internacional que eu fiz foi através de agência de viagens. Só conhecia como uma agência funcionava na teoria, por causa da Faculdade, mas nunca tinha contratado os serviços de uma. Desde o pacote (avião, hotel e transfer) até o Dólar que eu comprei foi através de agência. Eu acreditava que assim seria mais fácil, que se acontecesse alguma coisa, a agência ajudaria, mas não foi bem isso que ocorreu (estou falando da minha experiência pessoal!)

Na compra do pacote, fui informada que teria suporte da agência para tirar dúvidas no destino escolhido, porém a pessoa da agência só aparecia quando era para vender passeios! Quando tentei tirar algumas dúvidas, mal sabiam explicar! Não indicavam nada que não fosse vendido por eles. Restaurantes, passeios, compras tudo que indicavam eram já por interesse. Sem dizer que não se preocuparam de cuidar o tempo entre as conexões e foi por pouco que eu não perdi uma delas. 

Na segunda viagem internacional que realizei, decidi fazer por conta própria. Pesquisei e me preparei durante 18 meses. Escolhi voo, apartamento (sim, não fiquei em hotel, mas isso é para outro post), transfer, onde comprar os Euros, tudo e sabem o que aconteceu? Aprendi e aproveitei muito mais a viagem! 


De tanto pesquisar, não precisei de áudio-guia quando visitava os lugares (claro que comprei um livro guia da cidade/País para levar junto), acabei vivenciando o dia a dia do morador local, conheci outros pontos de vista da cidade que fugia do tradicional trajeto turístico vendido pelas agências de viagens, gastei menos do que a agência cobrava e fiquei numa localização muito melhor do que ela oferecia. 

O engraçado que, quando eu falo que viajar por conta própria é melhor, as pessoas me respondem "mas você cursou Turismo. Você entende disso!" Sabem onde eu realmente aprendi como montar uma viagem? No GOOGLE! Sim! Essa ferramenta que a maioria não sabe utilizar direito está cheia de dicas de como fazer tudo! 

Claro que tem que ter paciência e fugir de blogs que só sabem fazer propaganda em vez de explicar, mas no geral, com o Google você consegue tudo o que precisa. E pensando em me juntar aos blogs que agregam e não apenas fazem propaganda, que resolvi escrever dicas de viagens.

E vocês: preferem viajar por agência ou por conta própria?

Nenhum comentário:

Postar um comentário